Páginas

quarta-feira, 19 de maio de 2010

acreditar!

Segunda-Feira , 17 de Maio de 2010, 15h00m

Ia eu vagarosamente, como se não houvesse um amanhã, ia calma e inundada de pensamentos. Parei, ali no centro da Ponte D. Luís I , exactamente no centro, olhei em meu redor, era um vai e vem de rostos e eu sentia-me como se não estivesse a ser observada por esses olhares passageiros. Eu estava ali, sozinha e imóvel, com a mão no corrimão a olhar para a água turva e a fintar o horizonte, o vento que me batia na cara, fez-me arrepiar algumas vezes. Eu continuei ali, por um bom bocado, a pensar… a pensar como será quando aqui estiveres, a pensar se alguma vez te perder, como será a minha vida. Eu julgo ter chegado a uma conclusão, a mais óbvia de todas, seria sem cor e sem esperança, provavelmente em outra altura do meu passado eu me encontra-se naquele local por um outro motivo, mas naquele dia, naquela Segunda-Feira, eu fui pensar em ti, eu fui pensar em nós… Senti os meus olhos a ficarem inundados e pela primeira vez, não me importei que alguém me visse chorar. Os meus sentimentos estiveram a flor da pele e mais uma vez eu coloquei-os a prova e eles voltaram a passar no teste com distinção. Eu não me desiludi, eu superei-me e talvez depois disto supere outros medos de uma vez por todas, que para mim são como fantasmas Eu sei que me vais ajudar nisto também, como me ajudas-te a ficar ali sozinha e indefesa e mesmo assim não ter medo, porque embora não estivesses em corpo, estavas em alma e mente, como sempre estás para me proteger. Limpei as lágrimas e continuei o meu caminho, com um sorriso triunfante, eu estou a vencer esta batalha, nós seremos ambos vencedores!

«Find me here and speak to me I want to feel you I need to hear you.
You are the light that's leading me to the place where I'll find peace... Again.
You are the strength that keeps me walking, you are the hope that keeps me trusting, you are the life to my soul, you are my purpose
You're everything!
Cause you're all I want, you're all I need, you're everything, everything!»

 

Diz-te alguma coisa?
Eu digo-te:

Amo-te de coração , Filipe Fernandes!

P.s.- Hoje, dia 19 de Maio de 2010, faz dois anos e um mês que apareceste na minha vida !

5 comentários:

Morce disse...

O Amor é bonito. Estima-o bem =D
*

Daniela disse...

São pessoas que me tu, que me fazem pensar que realmente ainda se encontram pessoas bondosas espalhadas por este imenso mundo! Sinceramente esperar não é muito o meu forte, e no entanto já me cansei de ficar parada á espera de algo que eu própria sei que não dá, mas teimo a querer acreditar que sim! Hoje parei e desisti, tenho que voltar a viver!
O teu texto está lindo, assim como os demais! Também te seguirei :) 'e pela primeira vez, não me importei que alguém me visse chorar.', este é realmente o meu verdadeiro problema, mas agora pouco me importa sabes? E tu faz o mesmo, sempre que te apeteça chora, mas chora mesmo! Apenas liberta!

Um beijo grande minha linda :)

Daniela disse...

Sim fofinha, está tudo bem comigo. E contigo? :$

PR" disse...

Belo texto. Senti cada palavra...

Obrigada! :$

Vou seguir **

Cris disse...

Tão bonito. :)
E a letra dessa música é fantástica, tal como a música em si.